Preprint B55/2013
Calibração do Modelo Gibson-Schwartz para dados de commodities no Brasil
Leon Kacowicz
Keywords: Gibson-Schwartz | Filtro de Kalman | Commodities
Neste trabalho ajustamos o modelo Gibson-Schwartz, que descreve o comportamento estocástico de preços de commodities, para o mercado de boi-gordo negociado na BM&FBOVESPA. A estimação dos parâmetros deste modelo é feita por máxima-verossimilhança, calculada com Filtro de Kalman. Os dados utilizados são séries de preços de contratos futuros desta commodity de janeiro de 2003 a fevereiro de 2012, assim como a curva de juros de mercado referente ao mesmo período, extraída dos futuros de DI. Os fatores latentes - preço spot e convenience-yield - encontrados têm comportamento esperado e os parâmetros estimados são estatisticamente significantes. Em particular, encontramos alto grau de significância estatística para a taxa de reversão à média do convenience-yield. Em seguida é feita uma comparação out-of-sample dos preços de vencimentos menos líquidos com os preços arbitrados pela bolsa. Propomos, então, este modelo como uma alternativa livre de arbitragem para atribuir preço a tais contratos.