Preprint B67/2014
Toxicidade no Mercado Brasileiro
DIEGO ANDRÉS DE BARROS LIMA BARBOSA
Keywords: Toxicidade | VPIN | Classificacão de Negócios

A teoria de microestrutura de mercado divide os negociadores, de acordo com o seu nível de informação, em dois grupos: negociadores informados e negociadores não-informados. Um mercado é definido como tóxico, quando existe uma alta probabilidade dos provedores de liquidez estarem transacionando com negociadores informados. Um negócio é dito informado, 
quando um dos negociadores dele é informado. Nesse contexto, esse trabalho explana duas formas para mensurar a toxicidade de mercado: a probabilidade de o negócio ser informado (PIN) e a probabilidade de o negócio ser informado sincronizado por volume (VPIN). Foram utilizados diferentes tipos de classificações de negócios para calcular o VPIN no mercado futuro de índice bovespa, no mercado futuro de taxa de câmbio real-dólar e no mercado futuro de taxa DI de um dia. Nos momentos em que o VPIN atinge valores históricos máximos, foi feita uma análise qualitativa e quantitativa do mercado associando cada evento desse tipo a algum fato relevante do mercado. No mercado futuro de taxa de câmbio real-dólar, foi mostrado evidências de um aumento de toxicidade no período em que o governo passou a intervir diariamente no câmbio.